Central de Atendimento

(51) 3228 2318

WhatsApp (51) 9 9870 5808

Para que serve a biópsia?

A biópsia é um procedimento que orienta a identificação do diagnóstico da doença,  o que complementa a avaliação médica para a definição do tratamento adequado. A etimologia da palavra é grega e significa o ato de retirar um fragmento do corpo ou de tecido. É um procedimento invasivo e é recomendado para identificar a presença de células cancerígenas e outros problemas de saúde, principalmente em casos em que se suspeita de alteração de células.

 O médico recolherá o material, que posteriormente será analisado em laboratório, submetido ao chamado exame anatomopatológico. Deve ser colocada num frasco contendo formalina, para evitar o seu apodrecimento. O laudo deve, obrigatoriamente, vir assinado por um médico patologista.

As biópsias são solicitadas  para:  

  • Definir o diagnóstico de todos os tipos de câncer e diversas doenças que podem acometer o corpo humano (inflamações, degenerações etc.) 
  • Estabelecer o grau de malignidade do tumor e os demais parâmetros microscópicos que caracterizam o câncer.
  • Avaliar a extensão da doença presente, com referência às margens cirúrgicas da lesão, afirmando se elas estão livres ou comprometidas;
  • Avaliar o resultado de um tratamento.

Em geral, este exame fica pronto em 5 dias. Porém, se há urgência, esse prazo poderá ser reduzido. Elas são realizadas com anestesia local, e o procedimento é rápido, indolor e não exige internamento. Nos dias seguintes, o local onde foi feita a perfuração deve ser limpo e desinfectado seguindo as orientações do médico, podendo ser recomendado antibióticos que ajudam no processo de cicatrização.

Please publish modules in offcanvas position.