Central de Atendimento

(51) 3228 2318

WhatsApp (51) 9 9870 5808

O diagnóstico do câncer

Desde o surgimento do exame patológico, ficou muito mais fácil diagnosticar um câncer. O médico patologista analisa as amostras de células ou de tecidos pelo microscópio e elabora o laudo com o diagnóstico.

Graças a testes laboratoriais como DNA e RNA, é possível dizer se há câncer ou não. Com base nos resultados, o médico tem condições de escolher as melhores opções de tratamento.

Mas as análises das células e tecidos podem evidenciar diversos outros tipos de doenças e não somente o câncer. Quando existe um nódulo no paciente, o médico pode solicitar que a amostra seja processada para determinar se é câncer ou outra doença. Como algumas infecções ou outros tipos de alterações podem fazer surgir lesões, o exame patológico irá eliminar a dúvida.

Para que o exame seja feito, é necessário retirar uma amostra de tecido, ou seja, realizar a biópsia do nódulo, que pode ser detectado por exames de imagem ou por meio de exame clínico. Somente o exame patológico poderá dizer se o nódulo é câncer ou não.

Please publish modules in offcanvas position.