Central de Atendimento

(51) 3228 2318

WhatsApp (51) 9 9870 5808

Conheça a importância do diagnóstico histopatológico, mais uma especialidade do Laboratório KCM

Entender o diagnóstico histopatológico é bem importante em diversas áreas da medicina, sendo um aliado na identificação precoce de muitas patologias. A histologia é a disciplina que estuda os tecidos dos seres vivos e como são organizados microscopicamente, analisando como uma doença específica se relaciona, interage e afeta um determinado grupo de células. Em geral, isso acontece pelo estudo de uma amostra recolhida por biópsia.

 

O exame histopatológico realiza, assim, uma análise microscópica de um tecido para detectar possíveis alterações ou lesões, com a finalidade de informar a natureza, gravidade, extensão e evolução de algum problema do doador da amostra, além de sugerir ou confirmar a causa da suspeita. É um trabalho que requer técnica e conhecimento, por isso deve ser feito apenas por patologistas altamente especializados, treinados para analisar pequenos fragmentos de tecido de qualquer órgão. Um exemplo da importância desse estudo é quando uma pessoa tem nódulos na pele. Essa proeminência pode ser benigna e de evolução favorável, mas também pode se tratar de uma neoplasia maligna, o que irá demandar um direcionamento imediato.

 

É fundamental que a retirada de um fragmento para análise seja realizada com alto grau de precisão, pois as amostragens podem conter um tamanho bastante reduzido. O material coletado pode ser de uma biópsia, peça cirúrgica ou até mesmo necrópsia. Os fragmentos precisam ser obtidos com instrumentos de lâminas extremamente afiadas, com cortes rápidos e seguros, de forma a não esmagar, comprometer ou danificar a peça. Nos Laboratórios KCM, aconselhamos também que a superfície da amostragem compreenda uma parte com lesão podendo ter o tecido normal adjacente, para fins comparativos da amostra.

 

É fundamental que seja preservada, ao máximo, a morfologia e composição química da amostra, a fim de garantir uma lâmina de excelente qualidade, que permitirá um diagnóstico com grande precisão. Para isso, são usadas substâncias químicas fixadoras, que impedem a deterioração do fragmento. São também aplicadas etiquetas que identificam corretamente o material.

 

Casos em que a histopatologia é indicada

A importância do diagnóstico histopatológico é justamente confirmar ou afastar hipóteses de doenças. Diante desse contexto, o mais comum é que o médico solicite esse tipo de avaliação quando suspeita e deseja elucidar um caso, confirmando ou afastando a dúvida. Outras vezes, quando é preciso retirar uma lesão, o médico solicita também o exame histopatológico, afastando qualquer suspeita de malignidade. 

 

É possível que a imuno-histoquímica seja acionada para complementar os exames comuns, sendo um processo ainda mais sofisticado e com tecnologia avançada, também realizado pela equipe dos Laboratórios KCM. O seu emprego deve ser avaliado em situações específicas, de acordo com critérios de diagnóstico. Lembramos que o exame histopatológico pode demorar alguns dias, o que costuma ser alvo de apreensão, mas, na verdade, é uma característica desse tipo de análise, que pode demandar técnicas complementares. 

 

Essa ferramenta de diagnóstico é um recurso imprescindível para a medicina e qualidade de vida do paciente. Conte conosco e realize seus exames com precisão e segurança. 

 

 

Please publish modules in offcanvas position.